Nem Harry Potter nem Naruto: livros e HQs sobre aulas #parte1

E ai pessoas, beleza? Maravilha! … eu nem ouvi a resposta de vocês. Desculpa a falta de educação *ignorando de novo* bom, o blog tem alguns temas mensais, e o tema desse mês é: AULAS. E quando você pensa numa obra da cultura pop que tenha a ver com aulas, no que você pensa? É, pois é, eu também lembro de Harry Potter. Então veio a ideia de fazer uma lista com livros que tenham aulas e que não sejam Harry Potter. Eu acabei me empolgando, e joguei algumas HQs no bolo também (e ai você vai lembrar de Naruto, então já aviso que não tem Naruto).

Regras para essa lista:

1 – Tem que ser livros ou quadrinhos de ficção

2 – Eu tenho que já ter lido

3 – Não pode ser Harry Potter (nem Naruto)

E algumas observações:

A ordem, na lista, não indica se é melhor ou pior que os outros itens, ou que são obras boas ou ruins… A não ser o primeiro. Esse vai ser o melhor mesmo. Eu realmente recomendo que você leia as coisas antes de ler meu resumo.

E não, essa lista não vai ser imparcial =D Vamos lá:

Nem Harry Potter nem Naruto: livros e HQs sobre aula #parte1

Livros e quadrinhos1 – Tony Moon – Está tudo fora de controle, cara!

Autor: Pedro Duarte. Editora: Bacanudo Livros

Sinopse: Tony Moon é um garoto muito inteligente. E muito metódico. Talvez mais metódico do que inteligente. Talvez mais metódico do que seria normal pra sua pouca idade. Mas ele gosta de saber que controla o tempo que tem a disposição, e de que pode otimizá-lo melhor do que ninguém. Mas bom… Nem sempre tudo sai como ele espera.

Por que tá aqui: Tony, e seus colegas Cabelo, Manu Blue e Anna Amora ainda estão frequentando o Colégio Haroldo Barko, no alto dos seus 12 anos. Boa parte das aventuras relatadas no livro se passa ou em aula, ou na escola. Inclusive, sabia que o universo de Moon tá se expandindo? Dêem uma olhada no Facebook, onde o ilustrador Brão Barbosa assina tirinhas inspiradas no personagem. É importante dizer, inclusive, que Tony Moon é um livro infantil. Se você pular essa barreira, da pra se divertir em qualquer idade

 

2- Eragon [Ciclo da Herança (4 livros)]Livros e quadrinhos

Autor: Christopher Paolini. Editora: Rocco

Sinopse: Eragon esperava encontrar caça para alimentar a família no inverno, e para isso se aventurou pela Espinha, a cadeia de montanhas à oeste da Alagaësia (e de sua vila natal, Carvahall). Até que encontra uma pedra misteriosa e, ao tocá-la, ela se racha, e de seu interior surge um dragão azul. Sem saber, Eragon se torna peça chave de uma luta mundial que já leva mais de 100 anos!

Por que tá aqui: Eragon é o primeiro cavaleiro do dragão em 100 anos (se removemos Galbatorix da conta). Os cavaleiros eram uma ordem muito antiga, da época em que os Elfos aportaram na Alagaësia, e firmaram sua aliança com a grandiosa raça dos Dragões. Agiam como sábios, conselheiros, guerreiros, médicos e magos. Porém, desapareceram numa história repleta de magia, mistérios, e sangue. O que quer dizer, basicamente, que Eragon tem que aprender muito, com o mínimo de recursos, sendo talvez o tempo o mais escasso deles. Ele passa o primeiro livro (são quatro!) tendo aulas com Brom, enquanto viajam. No decorrer dos livros, aprende como ser um cavaleiro com os elfos, aprende os costumes dos anões, aprende os hábitos dos urgals, e aprende constantemente com sua companheira mais íntima, seu dragão Safira (não, ela não é só uma montaria superforte!!). E é importante que assim seja, pois a única coisa desconhecida é a fraqueza do imperador.

Como um menino derrotará um inimigo sem fraquezas?

 

3- Jogador nº1 (Enter Player One)Livros e quadrinhos

Autor: Ernest Cleine. Editora: Leya

Sinopse: Wade Watts passa a maior parte do seu tempo no OASIS, o jogo / simulador em que pessoas do mundo inteiro acessam para viver aventuras, fazer compras, conhecer novas pessoas, ou só passar o tempo. Wade tem o mesmo sonho de milhares de pessoas ao redor do mundo: Encontrar os Ovos (Easter Eggs) que foram escondidos no OASIS pelo seu criador, James Halliday. E, talvez, as coisas estejam começando a se encaixar

Por que tá aqui: Essa é a minha primeira forçação de barra nessa lista (Não faça essa cara! Haverão outras!). Wade ainda está em idade escolar então, dentro do OASIS, ele frequenta o planeta escola, onde tem suas aulas regulares. Além disso, ele também precisa dedicar seu tempo à aprender mais e mais da cultura pop dos anos 80, período preferido de Halliday, e no qual ele baseou suas pistas para a localização dos lendários ovos. É um aprendizado, não é?

 

4- Tropas Estelares (Starship Troopers)Livros e quadrinhos

Autor: Robert A. Heinlein. Editora: Aleph

Sinopse: A vida de soldado nunca foi fácil, e da Infantaria Móvel, menos ainda. Johnny Rico faz a “besteira” de se alistar no exército e, sem perceber, se torna um membro da I.M. de corpo e alma. O que vai ser ótimo na guerra entre a Federação Terrana, e os Aracnídeos do planeta Klendathu

Por que tá aqui: a primeira parte do livro serve para nos mostrar como um menino rico e mimado se tornou um membro orgulhoso da Infantaria. Para isso, o autor nos leva para conhecer o dia a dia do acampamento militar, os hábitos, os exercícios, a forma de punir, a forma de pensar, a forma de agir, os limites, as privaçẽos, os (aparentemente poucos) ganhos, antes de nos levar (nós leitores, e Johnny) à guerra propriamente dita. O que não falta são aulas, e exercícios, e punições, e reclamações.

Inclusive, é difícil não perder a sensação de que, na verdade, tudo é um pretexto para o autor descrever suas ideias e convicções. Com as quais você pode não concordar (eu não concordo com boa parte delas), mas não dá pra negar que são interessantes.

5- As Crônicas dos Kane [The Kane Chronicles (3 livros)]Livros e quadrinhos

Autor: Rick Riordan. Editora: Intrínseca.

Sinopse: Após a morte da mãe, Carter Kane passa a viver com seu pai, o egiptólogo Dr. Julius Kane, rodando o mundo, e Sadie Kane, sua irmã, passa a viver com os avós na Inglaterra. Depois de uma visita desastrosa ao British Museum, os dois irmãos se veem forçados a se unir, pois os antigos deuses do Egito começaram a despertar, e aparentemente eles não são assim tão afastados dessa história.

Por que tá aqui: Quem acompanha Young Adult (YA) sabe que, depois de alguns expoentes, vem uma leva de clones. Percy Jackson é um dos muitos clones que Harry Potter recebeu (e, ainda bem, o autor aprendeu com o tempo, e vai evoluindo no decorrer da obra. Mas no primeiro livro, podem analisar, são basicamente iguais). Umas das características comuns dos dois era o fato de os protagonistas viverem na escola a maior parte do tempo, e ser lá onde aprendem suas habilidades, conhecem verdadeiros amigos, e se sentem num lar (até que ele seja ameaçado). Mas eu quis fugir do óbvio, então fui pro seu “irmão de criação”, os Kane. Mas… veja, nenhum dos dois irmãos são tão apegados assim a escola. Então pq vc fez isso, Fernando? Você é burro?

Sou, mas não é esse o ponto! O ponto é que, como herdeiros da Casa da Vida, eles não só tem que protegê-la, e tentar resolver o problema dos deuses despertos: Eles também tem a lição de ensinar a nova leva de magos que começou a surgir! Eles mal aprenderam suas habilidades, mas tem que ensinar uma galera. Ensinar, caras! Aulas! Tá vendo que não sou tão burro assim?

Em tempo, YA não agrada todo mundo, ainda mais quem se vê muito mais velho e maduro. Eu mantenho meu ponto já dito, o autor evolui enquanto escreve os livros então você vai encontrar aqui uma história bem leve, mas bem escrita, já descolada de sua inspiração original, mas ainda com muita mitologia e muito bom humor.

Ah sim, quase esqueci, Rick Riordan é professor de história, então um traço sempre presente nos livros dele é a mitologia se mesclando ao mundo real. É ótimo para os novos leitores despertarem a curiosidade para o tema, e para os “velhos”, reconhecerem os elementos. Vale a pena.

 

É isso ai galera, essa é PARTE 1 da minha contribuição pro mês das AULAS. Espero que tenham gostado! Se curtiu, dá um joinha, segue nosso canal e… Opa, isso é youtube, foi mal. Se bem que estamos no youtube também. Em breve sai a parte 2 desse post.

Abraços, até logo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *